Pode entrar,o Blog é seu! Welcome to Blog! Since 30 july 2011

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Bom para o Mundo




Eu sou um bom filho, irmão, esposo, amigo, avô e pai. Pago minhas obrigações, acordo cedo para trabalhar, dou esmolas, ajudo velhinhas a atravessarem ruas, abro o portão para o vizinho que vem chegando das compras, ofereço carona na estrada, alimento pombos, cuido dos cãezinhos, brinco com meu neto, empresto dinheiro e não cobro juros, pago a conta do bar, lembro a empregada que há roupas no varal quando chove, viajo com a minha sogra, devolvo quando o troco está errado, não reclamo quando faltam alguns centavos, dou a vez na fila, vou à missa, não faço ultrapassagens no trânsito, não jogo lixo na rua, aponto o cadarço desamarrado. Sou um good man.

Não! Eu nunca digo não. Nunca diga nunca, alertou Cazuza. Mas sempre que tenho vontade de dizer não, acabo balançando a cabeça verticalmente. Um homem bom tem que  agradar sempre as pessoas. Se meu time vence eu não encarno no outro, respeito. Se alguém comete uma gafe eu não rio, disfarço. Quando usam incorretamente o verbo, não corrijo. Se recebo uma calça de presente e fica apertada, emagreço. Se vou ao cinema e o filme é chato, não comento.

O homem bom não arrisca e não arriscando não transforma. Esse bom homem descrito nos parágrafos anteriores é real. Ele existe quando nasce e logo muda quando para de chorar e abre os olhos. Sinceramente eu não teria paciência de conviver com alguém extremamente serviçal, um “concordino”. O homem tem que ser bom, cordial, mas nunca servil. Duvide se alguém age assim perto de você. Desconfie da bondade excessiva, tem “coisa” por trás dela.

Você tem que ser bom para o mundo! Não precisa concordar ou gostar das coisas que eu gosto para estar comigo, as divergências são necessárias para uma boa acomodação intelectual; ouvir é muito importante, ouça com atenção quando alguém pede um minuto dela; dê sua opinião quando julgar conveniente para esclarecer algum fato; faça uma oração, mas não espere que as coisas caiam do céu, orar + ação, falar e agir, essa é a tradução correta; analise as perspectivas para o futuro e faça a escolha certa agora, mesmo que esteja errada; não hesite em voltar atrás nas suas decisões se houver engano em suas avaliações; ame sua família e seus amigos; se puder, participe das reuniões comunitárias e principalmente, cuide do Planeta. Sendo bom para o mundo você será uma excelente companhia para toda vida.

Ricardo Mezavila


Nenhum comentário:

Postar um comentário